quinta-feira, 6 de maio de 2010

A Metamorfose




A Metamorfose foi uma amiga que me emprestou achando que iria gostar, ela acertou! Mas é um dos livros mais difíceis que eu achei de comentar aqui, não é difícil por causa da leitura, mas pelo mundo de informação que ele traz!
Kafka é um autor muito crítico e em seus livros ele critica muito a sociedade e escreve seu texto em metáforas.

A história conta sobre a vida de Gregor, um caixeiro- viajante que sustenta sua família, pais e irmã, dando-os um conforto e boa casa para morar sem ter que preocuparem. A vida de Gregor é bem tumultuada por causa disso, pelo excesso de trabalho.

Até que um dia Gregor amanhece metamorfoseado em um inseto gigantesco. Com dificuldades de se levantar por causa do novo corpo ele se atrasa para o trabalho. Logo o seu gerente aparece na casa de Gregor para saber porque ele não tinha ido trabalhar, seus pais dizem que ele amanheceu doente, mas que logo logo voltará ao trabalho. Com muita dificuldade Gregor consegue abrir a porta de se quarto revelando a família e seu gerente o motivo de seu atraso no trabalho. Com repulsa sua família o trancam no quarto e não ligam mais para ele, somente a irmã aparece para dar comida, mas com o passar do tempo ate ela se cansa do irmão.

A família que vivia nos eu conforto tem que começar a trabalhar pra se sustentarem.

¬¬
O livro é encantador, atual, crítico e cheio de ensinamentos que serei obrigada a ler novamente para entender mais coisas que Kafka queria passar. História triste, mesmo sabendo que Gregor era um inseto gigante da vontade de trazer ele pra casa e cuidar dele, coisa que sua família nunca vez por ele.
A familia eram de pessoas normais, que levam uma vida aparentemente normal, e que acham que mudanças serão sempre ruins. Então um imprevisto muda tudo, a transformação de Gregor vira a vida de todos de cabeça para baixo, e obriga que vejam e entendam o mundo novamente.

So posso dizer uma coisa: ME APAIXONEI PELO LIVRO!

4 comentários:

Ju Haghverdian disse...

Faz tempo que esse livro senta na minha biblioteca, esperando para ser lido... um dia eu chego lá, sei que vai ser uma história cheia de fatos profundos e ensinamentos!

Bjus

ALINE disse...

Realmente é um ótimo livro. Li-o há uns anos, na época de colégio ainda e gostei bastante. Ainda quero relê-lo, acho que vou aproveitá-lo melhor agora do que quando o li antes.

Bjo,

Aline - escrevendoloucamente.blogspot.com

Cristiane Fernandes disse...

Ele virou o inseto mais repugnante, as pessoas só gostam de nós quando estamos limpinhos, quando estamos como baratas elas sentem nojo.
Será que só valemos a pena quando estamos bem?

William disse...

Muito bem parabéns.

Seu blog ficou ótimo de roupagem nova.

Sucesso!!